SAÚDE BEM ESTAR

Viva mais! Viva Melhor!

Saude A-Z

As causas e os sintomas da gastrite

Gastrite é quando ocorre a inflamação, infecção ou sangramento do revestimento interno do estômago.

Existem dois tipos de gastrite:a gastrite aguda, quando os sintomas duram por pouco tempo, e a gastrite crônica,que pode durar meses ou até anos.

Causas da gastrite

As  causas da gastrite são o enfraquecimento das barreiras que protegem a membrana estomacal, permitindo que os sucos produzidos pelo estômago causem danos à essa membrana.

O refluxo da bile, também é apontado como causa da gastrite.

Isso é causado pela H pylori (helicobacter pylori), essa bactéria se instala no revestimento do estômago,e quando não tratada adequadamente, pode levar à úlceras e até mesmo ao câncer de estômago.

Estudos apontam que essa bactéria, pode ser transmitida de pessoa para pessoa, água e alimentos  contaminados.

Por isso é preciso tomar cuidados especiais com  higiene.

Essas causas são agravadas pelos seguintes fatores: alcoolismo, uso de drogas, estresse,doenças autoimunes, uso excessivo de medicamentos, além da idade avançada do paciente.

O uso descontrolado de substâncias alcoólicas, o uso de drogas e anti-inflamatórios prejudicam a formação do muco estomacal,que é um líquido gelatinoso que protege o estômago contra a acidez causada pelo próprio órgão no processo de digestão. 

Já o estresse, as doenças autoimunes e a idade avançada possuem sua parcela de responsabilidade,pois esses fatores contribuem para o enfraquecimento das células de defesa do organismo.

Conheça agora os principais sintomas da gastrite:

  • Azia ou queimação.
  • Dores de estômago.
  • Vontade de vomitar sem motivo aparente.
  • Sensação de empachamento.
  • Falta de apetite.
  • Vômito com sangue.
  • Alteração na cor das fezes para mais escuras.

É importante ficar atento aos sintomas,caso sinta algum desses descritos, o paciente deve procurar ajuda médica para ter o diagnóstico correto e consequentemente o tratamento adequado.

A gastrite pode ser de fácil tratamento,mas se não tratada também pode trazer sérias complicações, como sangramento no estômago e até câncer.

O diagnóstico será feito com base em exames clínicos e laboratoriais.

O médico investigará o histórico familiar, além de exames de sangue, radiografia ou endoscopia.

Mas só o profissional responsável por essa área é capaz de determinar qual desses exames será necessário para descobrir o tipo de problema.

Feito isso, após o diagnóstico afirmativo, o tratamento deve iniciar imediatamente.

Serão usados antiácidos, inibidores das chamadas bombas de prótons, dentre eles podemos citar: omeprazol, rabeprazol e esomeprazol, no caso de gastrite aguda.

Já no caso de gastrite crônica, o tratamento deve ser mais acentuado, pois é preciso combater as bactérias nocivas presentes no estômago, como é o caso da H Pylori.

Embora haja tratamento clínico, existe a necessidade de mudança de hábitos que prejudiquem o êxito do resultado.

Uma alimentação saudável com menos quantidade e menor intervalo entre as refeições, uma boa mastigação, evitar alimentos embutidos, quentes, evitar líquidos durante as refeições, consumo de bebidas alcoólicas, café e cigarro.

É importante ressaltar que hábitos saudáveis de alimentação e higiene favorecem em tudo para um corpo saudável e livre de doenças indesejáveis. Com cuidado e orientação médica é possível viver melhor.

Saúde & Bem Estar

Compartilhe!

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sair da versão mobile